Saia lápis x Tipo Físico

Uma peça de roupa sexy, elegante e charmosa na medida certa e que modela o corpo sem mostrar demais, caso esteja no tamanho e no cumprimento corretos. A saia lápis é indispensável para algumas mulheres e, em minha opinião, ela é um dos itens que não deveriam faltar no guarda-roupa de determinados tipos físicos. Porém, o que vale é o seu estilo e como você se sente em relação à peça em si. Como eu sempre digo, não caia no erro de usar apenas o que está na moda.
Hoje eu vou deixar dicas aqui de que tipos de saia lápis são os ideais para os mais diversos tipos físicos, obviamente não levando em consideração o estilo pessoal de cada um. Vamos lá?

Antes de qualquer coisa, eu gostaria de ressaltar que os tipos físico triângulo invertido (Ombros largos, quadril estreito) e oval (formas arredondadas, com volume nos quadris, cintura e busto, com barriga proeminente) devem evitar as saias do tipo lápis, pois a intenção maior de quem usa essa peça é chamar a atenção para as curvas do corpo, ressaltando-as. Portanto, cuidado na hora de usar, caso deseje fazer isso!

Os tipos físicos de ampulheta, triângulo e retângulo podem optar usar a saia lápis e eu darei algumas dicas de quais os melhores modelos e estampas.

Ampulheta:
Caso a intenção seja ressaltar ainda mais a cintura, que já é naturalmente definida, e tirar a atenção de coxas e busto volumosos, a saia lápis é uma grande aliada para esse tipo físico. Usá-la em uma cor escura, não muito justa e/ou com listras verticais, por exemplo, vai valorizar bastante a sua silhueta.

Usar tecidos escuros e que não sejam de tecidos muito justos é o ideal.

Triângulo:
Os quadris e as coxas são mais acentuados do que os ombros, que por sua vez são estreitos. Esse tipo físico geralmente tem o quadril largo e as coxas volumosas. Portanto, para esconder o volume e a largura de ambas as partes do corpo, usar uma saia lápis de cor escura e listras verticais, sem muitos detalhes na região dos quadris e coxas é uma saída interessante para criar uma ilusão de ótica harmoniosa para o seu corpo.

Listras verticais e cores escuras ajudam a alongar e diminuir o volume ao mesmo tempo.

Retângulo:
Esse tipo físico não tem a cintura definida e possui poucas curvas, além de pernas e braços finos em relação ao corpo e uma clara harmonia entre quadris e ombros. Por isso todo o cuidado é pouco na hora de optar por usar uma saia lápis. Como ela é uma saia que destaca a silhueta, o ideal é que ela seja tenha a cintura definida e não seja muito justa, principalmente na região das pernas.

Cintura marcada e tecido mais estruturado, com estampa e que não seja justo nas pernas.

Importante!
Uma ressalva em relação ao tecido para todos os tipos físicos citados: Busque tecidos maleáveis (no caso dos tipos físicos de ampulheta e triângulo), de preferência sem ou com uma quantidade muito pequena de lycra, para não acabar fazendo o efeito contrário e destacar ainda mais aquilo que gostaria de suavizar.

Espero ter ajudado e, como sempre, caso precise de uma ajuda específica ou restem dúvidas, fique à vontade.

Até breve!

Advertisements