As lições de estilo de Emma Stone

Ela é uma lindíssima atriz de apenas 23 anos e dona de um senso de estilo que poucas possuem. Nos últimos dias, Emma Stone tem chamado a atenção da mídia internacional, principalmente daquela especializada em moda e estilo, por conta de suas escolhas para os tapetes vermelhos e as conferências de imprensa do seu novo filme ‘O espetacular Homem Aranha’, que a fofa estrela ao lado do seu namorado, o não menos fofo Andrew Garfield, de 28 anos. Por conta disso e olhando os looks da atriz, resolvi mostrar alguns detalhes de como essas escolhas funcionam para ela e até mesmo aproveitar para dar dicas para quem gosta de se inspirar no estilo das estrelas, na hora de compor o seu próprio look.

Emma Stone ao lado do namorado Andrew Garfield na sessão de fotos do novo filme ‘O Espetacular Homem Aranha’, em Nova Iorque.

A bela não tem muito quadril, porém tem os ombros ligeiramente mais largos em comparação à eles. A escolha da parte de cima em cor escura e a parte de baixo em cor mais clara gera a ilusão de uma silhueta mais balanceada, com ombros e quadris praticamente do mesmo tamanho. Esse truque é ótimo para quem tem ombros largos e quadril estreito. O detalhe do sapato escolhido também faz toda a diferença. Bico fino alonga a silhueta. Muito chique a Emma Stone! Só não gostei de uma coisinha: Os “enrugadinhos” na região dos joelhos e nas barras da calça.

Emma Stone em Toquio para a premiere de ‘O Espetacular Homem Aranha’.

Tons de vermelho geralmente ficam ótimos em contraste com a pele e os cabelos claros e Emma Stone soube bem como tirar proveito disso em uma de suas escolhas de look em Tóquio. Já em sua segunda escolha ela não foi muito feliz, pelo menos não em minha opinião, já que o vestido a deixou “sem cintura”, com os ombros “curtos” e com as pernas aparentando ser ainda mais finas do que elas são de fato. Por isso eu sempre digo: Muito cuidado quando for usar as tendências da moda apenas por usá-las, sem que elas sejam ideais para o seu tipo físico. O efeito? Você certamente ganhará o troféu fashion, mas não vai estar valorizando nada do seu tipo físico!

Emma Stone em Seul.

Em um look ela combinou tudinho e no outro ela usou a liberdade de descombinar de maneira chic os elementos que compoem o outfit. No look à esquerda, o vestido não foi exatamente uma boa escolha, se levarmos em consideração o shape de Emma. O motivo? A deixou sem curvas e parecendo mais “cheinha”. No look à direita, embora tenha escolhido chamar mais atenção para a parte superior do corpo, Emma conseguiu uma silhueta esguia. Adorei!

Emma Stone em Moscou.

No look à esquerda Emma conseguiu o shape dos sonhos, ou seja, ao escolher o vestido em questão, Emma deixou quadril e ombros praticamente do mesmo tamanho, além de apresentar uma cintura bem desenhada; o famoso tipo físico de ampulheta, o tipo físico tido como o ideal. Na foto à direita, Emma está elegante, esguia e belíssima, porém está chamando mais atenção para a parte superior de seu corpo, evidenciando o fato de os ombros serem mais largos que o quadril.

Emma Stone nas premieres de Paris e Londres, respectivamente.

Dois looks em black e duas escolhas sensacionais. Emma Stone está, além de belíssima, elegante, chic e poderosa, tanto no look escolhido para Paris, quanto no look escolhido para Londres. Eu sei que o decotão fica mais bacana para quem tem seios mais volumosos, porém Emma está deslumbrante com ele. Duas escolhas acertadas, em todos os sentidos!

Berlin também pode apreciar a beleza de Emma Stone, em dois momentos.

Cintura levemente marcada e ombros destacados em um vestido branco belíssimo. Emma mais uma vez resolveu chamar atenção para a parte superior de seu corpo. Agora, não existem erros quando se está usando um pretinho básico, né? Quanto à isso nem Emma e nem nós precisamos ou devemos nos preocupar!

Emma Stone em Madrid.

Ambos os vestidos são belíssimos, não podemos contestar. O da esquerda chama atenção para os ombros de Emma, mais uma vez e a deixa com uma silhueta bem desenhada, já que as estampas estão colocadas estrategicamente nas laterais do vestido, gerando volume. Porém, mesmo assim, não foi possível criar uma ilusão de ótica onde ombros e quadril parecem proporcionais. O vestido à direita é elegante e proporciona à Emma desfrutar de uma silhueta esguia.

Emma Stone, deslumbrante, em Roma.

Para ambas as escolhas cabe um WAW! Parece que Emma deixou o melhor para o final. Curiosamente, ambos os vestidos chamam mais a atenção do olhar para a parte inferior do corpo da atriz. No caso do vestido branco, as camadas de tecido na saia geram o volume necessário para chamar a atenção para a região e, quando olhamos para o belíssimo vestido da coleção Resort 2013 de Jason Wu, logo percebemos o peplum dando aquela ilusão de um quadril largo, né?  Eu apenas tenho a ligeira impressão de que, se não fosse o peplum alí, ela teria ganho ainda mais esse shape de sereia que podemos ver na foto.

Advertisements